• Publicado a:

    25 Janeiro, 2015

Aborrecem-me os Gajos Realistas que, nestes anos de chumbo, fazem de sacerdotes do deus Conformismo.
Salvo erro, foi o espírito anarca do Maio de 68 que cunhou a deliciosa frase: “Não te preocupes, é a realidade que se engana.” Era uma boa piada – infelizmente vieram estes arautos da Santa Austeridade e deram mau nome à coisa, tirando-lhe a poesia e o humor inerentes.
Os Gajos Realistas têm sempre razão, é uma alegria. São severos, como severa é “a realidade que se preza”. E não têm ideologia, nisso são muito parecidos com o prof. Cavaco, que nunca se meteu em política. Qual ideologia, com efeito? Se eles apenas olham a realidade “tal qual ela é”…
E ai da realidade se não se conforma ao que eles dizem. Zangam-se, esperneiam, fazem beicinho. E gritam-lhe, alto e bom som, com o ar lúgubre aprendido de caninos, que é ela que está enganada.
(E está feita ao bife se não se porta já bem. Quem avisa…)

Partilhar :
Share Button